APELO À VIDA RELIGIOSA CONSAGRADA DO BRASIL

O dia 02 de agosto é muito significativo para a Família Franciscana como o “dia do perdão de Assis”.soafrancisco1

Renovando o pacto de unidade com todos os irmãos e irmãs dessa grande família, acolho como “nota de todos os Consagrados e Consagradas do nosso país” a nota lançada pelos Jesuítas do Brasil, reunidos em Assembleia nos dias 25 a 27 de julho, em Itaicí - SP.

Todos/as estamos realmente indignados pelo modo com está sendo governado o nosso país. A crise em que estamos mergulhados está afetando e afetará ainda mais a população brasileira, especialmente a mais vulnerável, os pobres, os negros e os indígenas. Crescerá, ainda mais, a desigualdade socioeconômica e podemos mergulhar num fosso de marginalidade, violência e pobreza.

Nós não aguentamos mais tanta corrupção entre as esferas dos poderes que deveriam dar ao Brasil legitimidade, dignidade e esperança. Chega de hipocrisia e mentira!

Não podemos nos conformar que a supremacia do lucro e a idolatria do dinheiro deem primazia ao mercado, sacrificando mais e mais as pessoas.

Temos de nos unir no veemente apelo por reformas políticas e econômicas que favoreçam verdadeiramente o povo.

Convido a Vida Religiosa Consagrada a se manifestar e que o nosso povo experimente que estamos do seu lado, que a causa dos pequenos, empobrecidos e excluídos é nossa causa. Não podemos ficar alheios ao grito de uma Nação explorada pelos interesses públicos e privados sacrificando as famílias, os jovens e as crianças.

A situação que vivemos “mexe com a Vida Religiosa Consagrada” e nos convida a comprometer-nos, com radicalidade evangélica, na nossa missão junto ao mais pobres e excluídos, nos gestos concretos de solidariedade e esforços por mais justiça. Estejamos do lado do povo para não perdermos a esperança e muito menos fazendo-nos cúmplices! Jesus, nosso Mestre e Pastor nos anima! “Coragem, eu venci o mundo”! (João 16, 33)

Ir.Maria Inês Vieira Ribeiro, mad

Presidente da CRB Nacional